Google
 

Aparelho utiliza nanopartículas de ouro para detectar câncer de pulmão

Bookmark e Compartilhe

Um grupo de cientistas do instituto de tecnologia de Israel inventou um tipo de bafômetros capaz de detectar o câncer de pulmão.

A nova invenção, apresentada esta semana na revista Nature Nanotechnology, é capaz de detectar células cancerosas no pulmão de uma pessoa por meio do sopro.

A partir da respiração podem-se detectar altas concentrações de certos compostos orgânicos considerados biomarcadores do câncer de pulmão. Em pessoas saudáveis, a concentração desses compostos é de uma a 20 partes por bilhão (ppb). Já em doentes, as taxas atingem de dez a 100 ppb.

Com o bafômetro desenvolvido pelo grupo, o resultado do exame pode ser obtido em apenas dois ou três minutos e os custos de produção do aparelho serão baixos.

O grupo israelense prevê que os sensores feitos de nanopartículas de ouro, depois de aperfeiçoados, poderão servir para diagnosticar outros problemas, como falência renal e câncer de cólon.

Ouça o texto

0 comentarios:

Imprimir
Related Posts with Thumbnails